16 janeiro 2015

Resenha: Estudo Independente

Cia Vale tem dezessete anos e tem tudo o que sempre sonhou: um amor perfeito, um lugar na universidade e um futuro como uma das líderes da Comunidade das Nações Unificadas. No entanto, apesar de todos os esforços do governo para apagar a memória de Cia, ela ainda lembra o que aconteceu. Ela precisa escolher entre ficar em silêncio e proteger a si mesmae as pessoas que ama ou expor o Teste e o que ele na verdade é, um programa assassino que deve ser impedido. O futuro da Comunidade depende dela.
No segundo volume da saga de Joelle Charbonneau, a chance de fazer parte da revitalização de uma civilização pós-guerra colide com o desejo de fazer oque o coração manda.

 Essa resenha é do segundo volume da trilogia O Teste, pode conter spoiler sobre o volume anterior. Clique aqui para ler a resenha do primeiro livro. 

Ao começar a ler Estudo Independente percebi uma coisa: Charbonneau reuniu a brutalidade de jogos vorazes com a leveza de Divergente e me trouxe uma surpresa extraordinária.
Lembram que eu disse que esperava ver a evolução da história na sequêndia de O Teste? Pois bem, valeu a pena esperar. O que sai do tradicional foi que eu gostei bem mais de Estudo Independente do que O Teste, o que me faz esperar ansiosamente pelo terciro volume da série já lançada no Brasil, chamado A Formatura.

Gostaria de mais uma vez me desculpar pela falta de atualizações aqui no blog, é como eu já disse, a minha internet é 3G gente, é difícil. Porém, como vocês viram eu mudei o banner do blog e esperamos voltar a postar com mais frequência aqui, apesar da faculdade que em breve voltará. #chora

Após ter todas as suas lembranças sobre o teste apagada, Cia segue feliz e sem preocupações, até que ela encontra as gravações que ela fez com tudo que ocorreu no teste. Agora ela não sabe em quem confiar, pois os segredos ali contados são de pessoas muito próxima a elas e que ela já mais desconfiaria.
No segundo volume Cia faz uma prova que testa seus conhecimentos e sempre tem em mente uma coisa: falhar não é uma opção. Ela sabe que o preço por isso é alto.
Porém, o que trás muitas retaliações pra Cia é que ela é esperta demais, vê demais, procura demais e por isso, se torna uma ameaça.

Nós também conhecemos um pouco mais das pessoas da Capital, seus privilégios e a descriminação para com as pessoas das outras colônicas.

Os diretios da trilogia O Teste foram comprados pela Paramount Pictures, agora só resta aguardar novidades sobre a estreia do filme.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário nos deixará extremamente feliz, mas lembre-se: Tenha cuidado, as palavras tem poder.

- Não faça ofensas
- Não seja intolerante
- Não desrespeite a opinião alheia
- Se for divulgar, ao menos comente sobre o blog!

Não se esqueça de no final deixar o link do seu blog pra podermos retribuir, será um prazer.

Obrigada ♥
xoxo