15 outubro 2014

Resenha: Como Salvar Um Vampiro Apaixonado

Boa Noite!

Como Salvar Um Vampiro Apaixonado
Beth Fantaskey
Editora: Arqueiro
Páginas: 272
2/3
Nota: ♥♥

Sinopse: Quando Jessica Packwood descobriu que era uma princesa vampira romena, sua pacata vida adolescente virou de pernas para o ar. Ela precisou fazer as pazes com seu passado e vencer muitos obstáculos para ficar com seu belo príncipe, Lucius Vladescu. Depois de se casarem na Romênia, agora Jessica e Lucius devem unir os clãs mais poderosos dos vampiros e estabelecer a paz de uma vez por todas.
Mas primeiro ela vai ter que convencer uma nação inteira de vampiros ardilosos de que tem plenas condições de se tornar rainha. O problema é que Jessica nem mesmo consegue pedir uma refeição decente aos empregados de seu castelo, quanto mais lidar com súditos mortos-vivos malignos que adorariam vê-la fracassar.
Tudo se complica ainda mais quando Lucius é acusado de assassinar um vampiro Ancião e é condenado à masmorra, onde espera pelo julgamento que pode levá-lo à morte. Jessica então se vê em apuros, lutando não só pela vida de seu amado, mas também pela própria sobrevivência em um mundo repleto de intrigas.
Desesperada para provar a inocência do marido, ela conta com a ajuda de sua melhor amiga, Mindy Stankowicz, e do misterioso primo italiano de Lucius, Raniero Lovatu. Mas será que a princesa pode mesmo confiar neles?

Resenha: Fiquei super ansiosa por esta sequencia, pois a Beth concluiu "Como Se Livrar de Um Vampiro Apaixonado" com um enorme gancho e me deixou super curiosa para saber mais do mundo vampírico em si. Agora que terminei a leitura estou pensando no que virá para o terceiro e último livro, pois a autora não deixou nada no ar e sinceramente espero que seja algo bom, porque a trama é bem fraca em relação á outros livros de vampiros que já li e não que a obra seja ruim, mas com certeza poderia ter se sobressaído muito mais.
Foi uma experiência bem legal para mim e a leitura do livro é muito fácil, não é nada longo e nem maçante. No entanto estou com aquela sensação de que faltou algo e de "Só isso?" e por isso estou esperando que a Beth preencha este vazio na conclusão da trilogia.

A trama desta vez se passa totalmente no cenário romeno e com a narrativa em terceira pessoa de forma que não só a Antanasia narrasse, mas também o Lúcios, a Mindy e o Raniero. Realmente adorei todos eles narrando e isso até contribuiu para a leitura ser fácil e fluente.
Agora neste segundo volume, Lúcius e Antanasia estão casados e tentando governar os dois clãs. A história vai se desenrolando até o futuro rei ser acusado de assassinato e é ai vem ponto alto, pois a princesa Antanasia precisa amadurecer e controlar os vampiros, além de inocentar seu marido. É preciso atitudes e poder, e ela não entende isso até certo momento, confesso que me irritou um pouco sua fraqueza inicial e poxa vida estamos falando sobre vampiros.
Ocorreram poucas reviravoltas e talvez isso atrapalhou um pouco, mas a chegada do Raniero deu uma compensada, pois ele é "o vampiro" que eu esperava. Outra coisa que gostei foram os e-mails que o Lúcius e o Raniero trocaram, ora eram bem engraçados.
"(...) a única coisa que eu sabia fazer de forma majestosa era besteira."
Os quatro personagens tiveram suas diferenças, mas acabei mais gostando da Mindy e do Ronnie juntos, pois os dois são divertidos e sutis. O que gostei sobre eles, é que foi bem explorado o romance deles, embora teve só este livro para falar sobre o casal.
A Antanasia agora se tornou vampira e é uma rainha em eminencia. Com isso suas responsabilidades se multiplicaram e talvez isso  tenha feito ela se retrair. No começo fiquei com certa raiva dela por ser tão ingenua e que bom que no final ela evoluiu.
O Lúcius como sempre lindo e sexy! Achei ele bem misterioso e agora pensando bem a Beth pode trazer isto para o último livro. 
Eles se desenvolveram bem como casal e se encontraram em seus papéis, o fato de ter acontecido o assassinato fizeram com que separados amadurecessem.
Bom, sobre os personagens secundários não vou comentar porque vou acabar soltando spoillers importantes sobre a trama.

A capa tem o mesmo estilo da anterior e combina bem com a história. A diagramação é sem dúvidas ótima, a fonte está num tamanho bom e as folhas num tom amarelado.
O final me deixou reconfortada e com certas expectativas. Espero não me decepcionar, confesso. 
O livro está classificado como bom e faltou bastante para ser muito bom. Recomendo a leitura para quem queira passar o tempo e se descontrair.
Uma história simples, romântica, autêntica e com tudo aquilo que amamos no gênero, assim é "Como Salvar Um Vampiro Apaixonado".

Dica: Bom, o livro não dá detalhes sobre o casamento do Lúcius e da Antanasia, mas a editora disponibilizou um spin off com 23 capitulos sobre o assunto. Recomendo que leiam, pois com certeza vão ficar curiosos para saber de tudo como eu fiquei. [Leia aqui]

Até mais!

2 comentários:

  1. Esse livro foi uma decepção total para mim. O Lucius é um dos personagens que eu mais gosto e ele ter aparecido tão pouco foi um balde de agua fria. Considero apenas o primeiro que é ótimo e esse eu passo. Nem tenho mais na minha estante, só o primeiro.

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Denise!
      Com certeza, foi tão decepcionante e o Lucius tinha que ter tido uma aparição maior.
      Agradeço a opnião, bjuu.

      Excluir

Seu comentário nos deixará extremamente feliz, mas lembre-se: Tenha cuidado, as palavras tem poder.

- Não faça ofensas
- Não seja intolerante
- Não desrespeite a opinião alheia
- Se for divulgar, ao menos comente sobre o blog!

Não se esqueça de no final deixar o link do seu blog pra podermos retribuir, será um prazer.

Obrigada ♥
xoxo