06 agosto 2013

RESENHA: O Toque Da Meia-Noite

Olá, Letters!
Fiquem com mais uma resenha de parceria daqui do Blog. Aproveitando, vou tentar postar mais duas de parceria nas próximas terças-feiras pelo menos ou até antes se Deus quiser.

Os Mistérios da Meia-Noite: O Toque Da Meia-Noite
Natasha Morgan
Editora: Novo Século, Novos Talentos da Literatura
Páginas: 368
1/3
Nota: ♥♥♥♥♥ 

Sinopse -
Gwen é uma garota doce, meiga e espontânea que sempre se sentiu diferente em meio às pessoas que a rodeavam, devido a sua personalidade nada convencional. Após a chegada de Heron, filho de seu padrasto, a pacata vida dessa garota se transforma completamente. Ela não só encontra a intensidade em uma paixão, que tanto desejava, como também descobre a existência de um mundo sombrio e sedutor. Os mistérios começam a ser revelados: vampiros, bruxas, lobos selvagens, assim como segredos sobre si mesma. O encanto da lua cheia unida ao toque da meia-noite se faz presente, em um ambiente repleto de magia e perigos, onde Gwen deverá ter coragem para enfrentar os desafios desta nova realidade e se entregar ao seu grande amor.




Resenha: Antes de qualquer coisa, primeiramente preciso dizer que este livro te seduz do começo ao fim, a sedução está presente em todos os capítulos. Acho que a autora está de parabéns, pois ela não criou só mais um livro de seres sobrenaturais, ela criou algo completamente diferente do já estamos acostumados. É uma leitura leve, envolvente, mágica, cheia de sensações e muito instigante, pois nos faz querer avançar cada vez mais as páginas á procura de informações sobre os personagens. Gostei do fato da autora ter criado um clima de mistério, onde as revelações só acontecem muito tempo depois e com certeza ela desenvolveu uma narrativa peculiar, na qual nos deixa intrigados e curiosos em relação a tudo que se passa. Gostei bastante dos personagens envolvidos e estou louca para saber mais deles no próximo volume.


Gwen é uma adolescente “anormal” por assim dizer, visto por outras pessoas. Mas confesso que concordo com ela em vários fatores, como: odiar a escola e os outros alunos, amar os livros, ficar sozinha e buscar no amor um sentimento intenso que não é muito visto por ai. Identifiquei-me com ela logo de cara e quero muito saber o rumo que a vida dela tomará nos próximos dois livros, só digo que estou torcendo para que tudo possa dar certo na sua vida amorosa. Bom, a autora deixou no final um enorme gancho na história em relação à Gwen e espero que ela seja bem explorada.
- Eu quero amor de verdade. Quero ser capaz de amar com sinceridade e ser amada assim também. Eu quero intensidade... Um amor verdadeiro, incondicional e intenso.
Heron é um dos personagens mais sexy que pude conhecer até agora e lógico que ele me conquistou desde o primeiro momento em que abriu a sua boca para dizer a sua primeira fala. Um homem lindo, perfeito que transpira sensualidade e cheio de mistérios. Mas que apesar de tudo isso, foi criado para não ser fraco e desprezar o amor. Porém tudo isso mudo, é lógico. Sem contar o fato que ele sabe muito bem o que dizer para uma garota quando se é pra ser romântico. Enfim, tem tudo aquilo o que nós garotas estamos sempre à procura.

-E não teria um príncipe encantado nessa história para salvar a princesa? – zombou, divertindo-se com a brincadeira dele.
-Não existem príncipes em Brasov – Heron disse com um leve toque de amargura.
-Você mora lá, não é mesmo? – ela tentou alegra-lo.
-Oh, sim – sorriu malicioso novamente - Mas eu provavelmente não salvaria a princesa. Eu a roubaria para mim.
O final tem uma mistura de ação, tristeza e diversas emoções. Só espero que tudo de certo depois de tudo o que os aconteceu. Bom, acho que não vou conseguir descrever melhor o final, por isso acho melhor ler pra entender. Fiquei com um pé atrás com o personagem Dimitri e estou achando que ele vai acabar formando um triangulo amoroso logo mais e gostei dele mesmo não tendo aparecendo muito. Só espero que a autora continue escrevendo tão bem, porque estou muito, muito ansiosa para ter um pouco mais de Gwen e Heron.
A única coisa que tenho á reclamar é o fato de que faltou uma revisão melhor, pois encontrei alguns erros de português. Mas tirando isso está tudo ótimo.

Sobre a capa, achei que tem tudo a ver com a história embora seja simples, mas ela trás consigo o ar vampiresco só de bater o olho. A diagramação é boa, a fonte está num tamanho ótimo e as folhas são amareladas – que eu até prefiro assim. Se intrigar, se apaixonar e se sentir seduzido é assim que descrevo “O Toque da Meia-Noite”. Está mais do que recomendado o livro, está na medida para quem gosta e procura algo sobrenatural/romance. Estou encantada e só para reforçar não estou me aguentando para ler o segundo volume.

-Eu te amo – sussurrou em meio as lagrimas.
-Eu também te amo, mici – ele tocou suas bochechas com carinho. – Prometa que vai me esperar.
-Só se me prometer que não vai demorar – ela sorriu triste.
-Eu juro – prometeu intenso.
-Então eu espero. Volte o mais rápido que puder.
-Mici... – ele sussurrou próximo aos lábios dela. – Eu terei que voltar o mais depressa possível para buscar meu coração... Ele ficará com você.



Até mais, pessoal! 

4 comentários:

  1. Bom, tivemos muitos vampiros e lobisomens em histórias recentes, digamos assim. Penso se eu arriscaria a leitura de mais uma ^_^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkk'
      É verdade, mas apesar disso eu ainda gosto de ler sobre vampiros e lobisomens!
      Beijos!

      Excluir
  2. Poxa vida!
    Fiquei muito, muito, muito feliz por ter gostado!
    Pode deixar que estou caprichando no segundo volume!
    Já está com 23 capítulos prontos.
    E vem novos personagens, segredos e aventura.
    Um super beijo :)

    ResponderExcluir

Seu comentário nos deixará extremamente feliz, mas lembre-se: Tenha cuidado, as palavras tem poder.

- Não faça ofensas
- Não seja intolerante
- Não desrespeite a opinião alheia
- Se for divulgar, ao menos comente sobre o blog!

Não se esqueça de no final deixar o link do seu blog pra podermos retribuir, será um prazer.

Obrigada ♥
xoxo