19 novembro 2012

Na minha tela: Sobrenatural



Olá leitores, tudo bem?
Venho com mais um post para a coluna “Na minha tela”. Esse post é mais sombrio... muhahahaha. É que domingo eu me juntei com as minhas amigas e cometi o erro de assistir filme de terror com elas. Elas gritam! O tempo todo. Por QUALQUER coisa. É uma experiência que eu nunca recomendaria... Mas eu repetiria. Próximo passo: Assistir filme de terror no cinema muhahahaha.

A família Lambert, formada por Josh (Patrick Wilson), Renai (Rose Byrne) e os filhos Dalton (Ty Simpkins) e Foster (Andrew Astor), acaba de se mudar. Logo uma das crianças entra em coma de forma inexplicável, o que faz com que os pais descubram que a nova casa abriga um espírito do mal. Eles logo se mudam, mas rapidamente percebem que não era a casa que estava mal assombrada.









Aqui está o trailer:



P.S.: Eu não lembro o nome de quase ninguém do filme :X

Então pessoal, indo para o filme... Ele chama Sobrenatural.
Tudo começa quando uma linda família está em sua linda casa que eles acabaram de mudar. Quando a mamãe (falei que eu não lembrava o nome?) vai até o andar de cima da casa (É escuro e eu não sei se aquilo é um porão, porque eu acho que porão fica embaixo, mas enfim...) e percebe algo estranho. Mas relaxem, ainda não é nada demais (apesar das minhas amigas gritarem do mesmo jeito u.u).
Dalton, o filho explorador da família decide ir brincar nesse mesmo andar, onde você tem que subir em uma escada pra acender a luz... onde ele cai da escada, bate a cabeça. E ai, as coisas estranhas começam. Aparentemente, está tudo bem com Dalton, até a hora que ele vai dormir... e não acorda mais. Todos ficam desesperados e o leva ao médico. Que dá uma notícia mais estranha ainda... está tudo bem com o Dalton. Não houve danos quando ele caiu da escada, porém ele está em coma, não tem o ciclo dormir e acordar. (Só dormir aparentemente..) E agora o que fazer?
Se passam 3 meses desde que Dalton entrou em coma e a mamãe da família vê coisas estranhas da casa, monstros. (Quem já foi na hora do horror do Hopi Hari sabe do que eu to falando hehe) Quando coloca seu outro filho para dormir, ele fala que está com medo. De quem? De Dalton, ele o vê andando pela casa, sozinho à noite. Ai, todos pensam o que? Dalton é o capetinha da história. Errado de novo! (Vocês são ruins, hein?).
A mamãe e o papai da família chamam a vovó (mãe do papai) para ajudar. Porque na verdade, apesar de perceber algo estranho, ele não acredita em sua esposa. Mas o que sua mãe afirma é ainda pior. Ela também viu o que a mamãe está vendo. Então, todos felizes vão procurar ajuda.

Um ponto importante da história que eu gostaria de enfatizar, é que o papai da família ODEIA tirar fotos.

Quando dois especialistas em detectar, digamos, alguma atividade paranormal. Já que eles tem alguns equipamentos estranhos, que detectam mudança de temperatura, correntes elétricas, entre outras coisas que podem detectar isso... Até que um deles bate uma foto e nela, aparece um monstro! Ai está na hora de chamar a super-especialista. Só que na hora que ela fala que o filho deles não está em coma, mas sim perdido em outra dimensão, porque ele tem essa capacidade, e que tem vários monstros tentando entrar no corpo dele, pois os mesmo querem voltar à vida, ninguém acredita. Na verdade, quem não acredita é o papai. Até que ele vê um desenho de um monstro similar ao que a mulher descreveu pra eles e o especialista desenhou. Entre outras imagens. A mulher é chamada de volta e ela tenta trazer Dalton de volta, só que não dá... Até que a vovó faz uma revelação. Seu filho (o papai) tem a mesma habilidade, então ele teria que ir para outra dimensão buscar seu filho.

Bom, essa resenha ficou enorme pessoal, então vou parando por aqui.
Até mais, xoxo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário nos deixará extremamente feliz, mas lembre-se: Tenha cuidado, as palavras tem poder.

- Não faça ofensas
- Não seja intolerante
- Não desrespeite a opinião alheia
- Se for divulgar, ao menos comente sobre o blog!

Não se esqueça de no final deixar o link do seu blog pra podermos retribuir, será um prazer.

Obrigada ♥
xoxo